domingo, 5 de fevereiro de 2017

sólida solidão

é madrugada
e eu não quero dormir
para começar mais um fatídico dia
do meu pacato cotidiano
onde tudo é tão previsível
as mesmas lamentações de hoje
prorrogo para amanhã
na esperança que novos ventos
joguem pra longe
a calmaria

meu caro,
minhas mãos pequenas
já não seguram mais
este vasto mundo
de sentimentos líquidos
quando minha solidão
é sólida

22.01.2017

por: Antonio Lima Júnior

Nenhum comentário:

Postar um comentário