sexta-feira, 7 de outubro de 2016

meta

quero escrever um poema
que saia da ponta do lápis
e atravesse a folha branca
parta a mesa em dois
entre na terra
fure a encanação
e vá até o fundo
da alma
fraca
do poeta

06.10.2016

por: Antonio Lima Júnior

Nenhum comentário:

Postar um comentário