segunda-feira, 15 de agosto de 2016

coreto da saudade

Foi no coreto
do passeio público
o nosso primeiro beijo
entre os transeuntes
guardas municipais
em suas bicicletas
novinhas
vendedores de picolé
e os pracinhas

assim como as formigas
passeava meus dedos
pela tua pele morena
procurando o doce coração
estampado em teu olhar

deitados no coreto
um homem tocava flauta
e o gato trepado na árvore
olhando os nossos abraços
os óculos se batendo
tocando a sinfonia
dos nossos beijos

17.06.2016

por: Antonio Lima Júnior

Nenhum comentário:

Postar um comentário